Escolha uma Página

Itacaré é verde, linda e aconchegante. Difícil é ouvir um sotaque baiano na Rua Pituba. Nos restaurantes, bares e comércios tem gente de todo o Brasil que veio pra ficar. E eles são super receptivos e apaixonados por Itacaré. Basta fazer uma pergunta para receber dicas completas do que fazer na cidade.

Seguindo a dica da Maristela do Recanto das Artes (restaurante muito bom, diga-se de passagem), fomos para a praia Jeribucaçu. Praia com ondas fortes que também só é acessada por trilha. Só que essa trilha é um pouco mais difícil que a da Praia da Engenhoca. Ficou bem escorregadia depois da chuva que caiu de manhã. Depois de uns 20 minutos e alguns escorregões chegamos à Jeribucaçu. Do lado direito da praia tem um rio com águas transparentes que formam uma “lagoa” na areia. Dá pra escolher entre um banho de mar ou de água doce. Na dúvida ficamos com os dois.

A praia é cercada de coqueiros e pedras – é bem bonita – e tem algumas barracas que vendem bebidas, queijo coalho, entre outros.


Esqueci de deixar o endereço do restaurante.
Restaurante Recanto das Artes (comida italiana de boa qualidade)
Rua Pedro Longo, 159 (Rua da Pituba) – Itacaré – BA
Tel.: (73) 3251-2495
Esse aí embaixo é o Jean, um artesão que trabalha com fibras de açaí, cipó, coqueiro e samambaia. Trabalho bonito e bem feito que ele vende na barraca Belas Artes (loteamento das conchas, nº 65 – próximo à praia da Concha). Ele disse que logo mais vai abrir uma loja virtual. O e-mail dele é pj_artes@hotmail.com.