Escolha uma Página

Meu tour começou na orla. Aliás, esqueci de comentar, mas em Santa Barbara e nas cidades vizinhas, vi muitos motorhomes estacionados perto da praia. Um deles me chamou mais atenção do que os outros. O cara colocou uma carcaça de uma van em cima do motorhome para aumentar o espaço!

Fui até o Pier, onde tem alguns restaurantes e lojinhas, além de uma bela vista de Santa Barbara e da Marina.

Santa Barbara fica entre as montanhas e o mar.

Pier
Marina
Lojinhas do Pier

Gaivotas e pelicanos são comuns a beira mar.

Depois de visitar o Pier, peguei o bondinho para o centro (Downtown Shuttle) e visitei a County Courthouse (Tribunal do Condado), uma construção espanhola concluída em 1929 e que continua em uso. Há um jardim lindo e uma torre com vista panorâmica da cidade.

Depois peguei o ônibus 22 para ir até a Missão Santa Barbara, a “Rainha das Missões espanholas”. Santa Barbara é a única missão em uso contínuo desde que foi fundada, em 1786.
Por US$ 5,00 é possível fazer um tour pelo interior da Missão, o que inclui um jardim, um cemitério, a igreja e um museu.
O jardim era onde os índios aprendiam os ofícios dos brancos. Nos prédios ao redor havia oficinas e acomodações.

Jardim do cemitério – aqui estão enterrados padres e cerca de 4.000 índios
Igreja da Missão
A cozinha foi restaurada com utensílios típicos do século 19.

Como eram as acomodações
Na frente da Missão Santa Barbara há um jardim de rosas. Havia algumas pessoas jogando frisbee, outras fazendo picnic, alguns artistas pintando a paisagem e algumas mulheres mais animadas tomando sol de biquini.

Voltei de ônibus para o centro (linha 6 ou 11) e passei por outras construções históricas, entre elas El Presidio, um forte construído em 1782 pelos espanhóis.
El Presidio

Há outras construções interessantes em Santa Barbara, mas esses são os principais pontos turísticos. 
Amanhã de manhã vamos para Las Vegas de carro! Até lá!