Escolha uma Página
Jonas é um dos menores profetas da Bíblia, mas há muitas lições nos 4 capítulos desse pequeno grande livro.
Jonas recebeu uma missão de Deus: ir até Nínive (uma cidade grande com cerca de 120 mil habitantes) e pregar contra ela. Deus decidiu destrui-la pois os ninivitas eram maus.
Sabemos que Jonas fugiu da responsabilidade indo de navio na direção oposta à Nínive (Társis). Deus mandou uma tempestade e quando os marinheiros descobriram que Jonas era o culpado de toda aquela situação, jogaram-no ao mar enfurecido.
No mar Jonas foi engolido por um grande peixe e ficou na barriga dele por 3 dias e 3 noites. Depois de se arrepender e orar a Deus, o peixe o vomitou em terra firme.
Quantas consequências Jonas sofreu por desobedecer a Deus! Olhando de longe parece até que Deus é um deus mau, que castiga quem o desobedece. Mas na verdade Deus faz isso porque nos ama. “Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.” (Romanos 8.28). 
Além de querer o bem de Jonas, Deus queria o bem de Nínive.
Por fim Jonas foi até lá e pregou o que Deus tinha mandado. Diz o texto que “os ninivitas creram em Deus. Proclamaram um jejum, e todos eles, do maior ao menor, vestiram-se de pano de saco” (Jonas 3.5).
Até mesmo o rei saiu do seu trono, tirou o manto real, vestiu-se de pano de saco e sentou-se sobre cinza (um grande exemplo para os líderes de hoje!). O rei proclamou um jejum e todo o povo clamou a Deus, deixou os seus maus caminhos e a violência (Jonas 3.8).
Deus mudou o curso da história e decidiu não mais destruir Nínive. Não por causa da roupa que o povo vestiu, mas por causa da intenção sincera do coração deles. Não adianta se vestir de pano de saco se o coração continua endurecido, fechado, sem ouvir aquilo que Deus está falando. O verdadeiro jejum não é interesseiro (eu deixo de comer isto para Deus me dar aquilo). Fazer um jejum é abrir mão de coisas que se gosta para receber o que Deus quer dar. O rei disse: “Clamem a Deus… talvez Deus se arrependa e abandone a sua ira, e não sejamos destruídos” (Jonas 3.9). 
Jonas ouviu, não obedeceu e passou por diversas situações ruins até que se colocasse de novo dentro da vontade de Deus. Mas o povo de Nínive não precisou passar pelo drama que Jonas passou, porque desde o início eles ouviram a Deus, creram e se submeteram à Palavra dEle.
Olhe pra sua vida e reflita. Onde você está nesse momento? Talvez como Jonas no início, fugindo para Társis para não fazer a vontade de Deus. Talvez dentro da barriga do peixe, sofrendo, sem esperança para a vida. Ou talvez como o povo de Nínive no final da história, com o coração quebrantado, arrependido, desejoso de ouvir e obedecer a vontade de Deus. 
É aí que eu quero estar! 
Aline Cândido