Escolha uma Página

A transferência do manto de Elias (que é o profeta mais velho) para Eliseu (seu sucessor) é um ótimo exemplo de um relacionamento entre o mestre e seu discípulo.

Nas escrituras, aqueles que têm sabedoria compartilham com aprendizes, juntando suas próprias experiências.
Tem uma história linda entre Noemi que ensinou sua nora viúva sobre a complexidade da lei judaica daquela época. Ela ajudou Rute a se casar novamente e fazer parte da linhagem do Messias (Rute 3-4).
Mordecai guiou Ester no meio das traições da corte persa para salvar a vida do povo de Deus (Et 2-7).
Isabel, prima mais velha de Maria mãe de Jesus, foi sua conselheira nos primeiros meses de gravidez (Lc 1.39-56).
As mulheres da igreja tem um papel especial de conselheiras. As mais velhas são desafiadas a ter como aprendizes as mais jovens ou menos experientes (Tt 2.1-5).
Esse processo de educação espiritual podemos chamar de “maternidade espiritual”.
Discipulado, um ministério positivo e importante.
Fonte: Bíblia da Mulher / Enviado por Karina Oliveira

Referências bíblicas:
Lucas 1.39-56: “Naqueles dias, Maria preparou-se e foi depressa para uma cidade da região montanhosa da Judéia, onde entrou na casa de Zacarias e saudou Isabel. Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, o bebê agitou-se em seu ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. Em alta voz exclamou: Bendita é você entre as mulheres, e bendito é o filho que você dará à luz! Mas por que sou tão agraciada, ao ponto de me visitar a mãe do meu Senhor? Logo que a sua saudação chegou aos meus ouvidos, o bebê que está em meu ventre agitou-se de alegria. Feliz é aquela que creu que se cumprirá aquilo que o Senhor lhe disse. Então disse Maria: Minha alma engrandece ao Senhor e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador, pois atentou para a humildade da sua serva. De agora em diante, todas as gerações me chamarão bem-aventurada, pois o Poderoso fez grandes coisas em meu favor; santo é o seu nome. A sua misericórdia estende-se aos que o temem, de geração em geração. Ele realizou poderosos feitos com seu braço; dispersou os que são soberbos no mais íntimo do coração. Derrubou governantes dos seus tronos, mas exaltou os humildes. Encheu de coisas boas os famintos, mas despediu de mãos vazias os ricos. Ajudou a seu servo Israel, lembrando-se da sua misericórdia para com Abraão e seus descendentes para sempre, como dissera aos nossos antepassados. Maria ficou com Isabel cerca de três meses e depois voltou para casa.”
Tito 2.1-5:  “Você, porém, fale o que está de acordo com a sã doutrina. Ensine os homens mais velhos a serem moderados, dignos de respeito, sensatos e sadios na fé, no amor e na perseverança. Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom. Assim, poderão orientar as mulheres mais jovens a amarem seus maridos e seus filhos, a serem prudentes e puras, a estarem ocupadas em casa, e a serem bondosas e sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja difamada.”