Escolha uma Página

Vivendo numa grande cidade como São Paulo é quase unânime ter medo da violência, não é? Mas não é (só) disso que quero falar aqui. Não quero falar apenas das causas externas para os nossos medos mas também dos medos que vêm de dentro. Você tem medo de quê?

De fracassar, de tentar o novo, de ficar sozinho, de ficar doente (maldito câncer), de envelhecer, de morrer? De falar em público, de não ser amado, de perder o emprego, de ser insignificante, de perder o controle sobre as situações?

A lista de medos é tão extensa quanto pessoal e se eu abrir a minha lista aqui é bem capaz de você dar risada! 😀

Chico Buarque foi muito feliz ao escrever a história da Chapeuzinho Amarelo para crianças:

Era Chapeuzinho Amarelo amarelada de medo. Tinha medo de tudo. Já não ria, em festa não aparecia, não subia escada nem descia… não brincava de nada, nem de amarelinha.
Não ia pra fora para não se sujar, não tomava sopa pra não ensopar, não tomava banho para não descolar, não falava nada para não engasgar, não ficava em pé com medo de cair, então vivia parada, deitada, mas sem dormir, com medo de pesadelo.

É gente… o medo sufoca e paralisa!

Você já viveu (ou vive) assim? Eu sim!

Esses dias olhei no espelho e me vi como a Chapeuzinho Amarelo, amarelada de medo! Mas Deus também viu e tratou de conversar comigo a respeito. 😉

Descobri que uma das expressões mais repetidas na bíblia é “Não tenha medo!”, tanto no Velho como no Novo testamento (por que será né? Será o medo um sentimento comum a todo ser humano?).

“Não tenha medo” foi dito por Jesus diversas vezes e em algumas delas a frase veio com um complemento:

“Não tenha medo. Tenha fé!” Foi isso que Jesus disse a Jairo quando ele recebeu a notícia de que sua filha havia morrido (Marcos 5.36).

“Por que vocês estão com tanto medo, homens de pequena fé!”. Foi o que disse Jesus aos discípulos quando eles estavam no barco chacoalhado pela tempestade (Mateus 8.26). Será então o oposto do medo, a fé?

Nos últimos dias quando aquele “medinho” (insegurança, angústia, você pode chamar do que quiser) veio ao meu coração, eu disse pra mim mesmo: Não tenha medo Aline, tenha fé!

Se espantarmos o medo e convidarmos Jesus para perto, ficaremos em paz. Talvez as situações externas não mudem, mas com certeza nosso coração mudará. Afinal, foi isso o que Jesus prometeu, não foi?

“Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições, contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo.” (João 16.33)

Aline Cândido